Dormir de cabelo molhado? Nem pensar!

Nesse calorzão não tem nada mais gostoso de chegar em casa depois do trabalho, faculdade, passeio ou da academia e tomar um delicioso e revigorante banho bem geladinho e ir direto para a cama descansar.

Se você é uma dessas mulheres que como nós adora viver, mas não vê a hora de deitar e quase hibernar, cuidado! Dormir de cabelos molhados é uma péssima ideia.

Os prejuízos de se dormir de cabelos molhados

Quando dormimos de cabelo molhado nossas madeixas amanhecem armadas, feias, oleosas e, acredite, muito mais frágeis!

O atrito do cabelo molhado com o travesseiro facilita a quebra dos fios e intensifica a queda do cabelo. Além disso, esse hábito inimigo de toda mulher faz com que aumente a possibilidade do surgimento ou agravamento da caspa. Isso tudo pois o ambiente quente e úmido que se forma no couro cabeludo intensifica o crescimento de fungos e bactérias.

No dia seguinte, os cabelos amanhecem mais oleosos, opacos e quebradiços, dando aquela sensação de que não foi lavado direito. Esse problema ocorre pois os fios não conseguem respirar durante a noite, pois estão em contato constante com o travesseiro.

Doenças e problemas mais graves

Se você tem problemas com caspa, cuidado redobrado! Além disso, é muito comum que mulheres (ou mesmo homens) que dormem de cabelos molhados acabam desenvolvendo seborreia – aquela caspa mais grossa que chega a machucar o couro cabeludo e coça muito.

Se você sofre de problemas respiratórios, como rinite, sinusite, bronquite ou está com a resistência um pouco mais baixa, esse hábito pode também influenciar o seu bem estar físico – provavelmente você acordará pior e mais frágil do que quando foi se deitar.

O que deve ser feito

Dormir com o cabelo molhado nem pensar

Lavou o cabelo e deu aquela vontade louca de ir deitar? Seque-o primeiro. De preferência com o secador em temperatura mediana, pois o ar muito quente também é prejudicial à estrutura do seu cabelo.

Assim que sair do banho, tire o excesso da água com uma toalha macia, sem esfregar. Preferencialmente, aperte a toalha suavemente sobre toda a extensão dos fios.

Se você costuma enrolar a toalha na cabeça, não aperte muito a volta para evitar prejudicar a saúde dos fios e também a saúde do couro cabeludo.

Depois, é só secar com o secador. Caso você prefira passar a prancha alisadora, é aconselhável que você espere até o dia seguinte para evitar oleosidade nos fios e no couro cabeludo.

Aos poucos você conhecerá melhor as tendências e necessidades de seu cabelo e saberá como cuidar dele para ficar sempre, e cada vez mais, linda.

The following two tabs change content below.
Domenica Mendes é redatora freelancer há mais de um ano e escreve para diversos sites e blogs. Possui formação em nível superior em História e em nível técnico em Segurança do Trabalho. Atua em diversos projetos e pretende trazer novidades e informações de qualidade às leitoras do Mais Dicas de Mulher.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *